RSS

"Essa vida viu, Zé. Pode ser boa que é uma coisa. Já chorei muito, já doeu muito esse coração. Mas agora tô, ó, tá vendo ? De pedra. Nem pena do mundo eu consigo mais sentir. Minha pureza era linda, Zé, mas ninguém entendia ela, ninguém acolhia ela. Todo mundo só abusava dela. Agora ninguém mais abusa da minha alma pelo simples fato de que eu não tenho mais alma nenhuma. Já era, Zé. É isso que chamam de ser esperto ? Nossa, então eu sou uma ninja. Bate aqui no meu peito, Zé ? Sentiu o barulho de granito ? Quebrou o braço, Zé ? Desculpa !"

Há sempre uma pessoa na sua vida, na qual, não importa o que ela faça com você. Você apenas não pode deixá-la ir.
E só pra constar, que puta saudade de você !

- As vezes - mas só as vezes -, eu queria ser diferente.
- Defina o "Ser Diferente"
- Agir sem pensar, eu diria. Esse negócio de se colocar no lugar do próximo antes de tomar alguma atitude não adianta de nada, se o tal próximo não faz o mesmo comigo.
- Mas não seria bom, porque você machucaria as pessoas.
- Ah, no final alguém sempre sai machucado mesmo.

A propósito: é uma pena que - quase - sempre seja eu.

- A história é sobre o quê ?
- É sobre um homem que encontra um copo mágico e ele aprende que se ele chorar no copo as lágrimas dele viram pérolas. Ele é muito pobre e no final da história ele está sentado em uma montanha de pérolas com uma faca ensangüentada e a esposa morta nos braços dele.
- Então ele a matou ?
- É Hassan ! Como você é inteligente ! (ironia)
- Pra chorar muito e se enriquecer ?
- É Hassan ! ... Que foi ?
- Nada. Bom, me permite fazer uma pergunta sobre a história ?
- Claro !
- Por que o homem teve que matar a esposa ?
- Porque cada uma das lágrimas dele virava uma pérola.
- Eu sei, mas porque ele não podia só cortar uma cebola ?
O caçador de pipas.

Junte-se mais com a sua família, mesmo que seja só para uma refeição. E assim você viverá momentos inesquecíveis com quem mais te ama. Eles podem não ser o melhor modelo de família, podem não ser a família mais agradável, mais rica, mais inteligente... porém, família não se escolhe, e se pudéssemos escolher, não escolheríamos tão bem assim. Obrigada por tudo. Amo vocês.